Maven muda a experiência do consumidor

A grande sensação da nova visão de futuro da GM é o Maven, um aplicativo que pode ser baixado gratuitamente, pelo smartphone, por qualquer pessoa que queira dirigir um carro de forma compartilhada nos Estados Unidos. Você paga pelo uso do carro. Ainda em teste no Brasil, somente para os funcionários da GM.

Com o trânsito caótico das megacidades, as pessoas buscam mais propostas de transporte, sustentabilidade e qualidade de vida. O novo consumidor quer tudo conectado em suas próprias mãos. Baseada nisso, a GM buscou respostas “rápidas e flexíveis” em quatro itens: conectividade, eletrificação, compartilhamento e autônomos.

O Maven representa uma resposta para três pontos importantes: a demanda do transporte como serviço, o crescimento da população urbana e smartphone primeiro. Atenta à transformação do mundo, que já afeta a indústria automobilística, a GM tem foco total na chamada Geração Y (também chamada de “millenial”, pessoas nascidas a partir do início dos anos 1980). Esse público representa 79% dos clientes do Maven.

Novas experiências são criadas diariamente para atender as necessidades deste novo consumidor, que busca marcas que gerem conexões emocionais.